Teatro do Oprimido, uma construção periférica-épica

Compartilhar:

Reserve a noite do dia 9 de dezembro (quarta-feira), às 18h30, para mais uma edição da atividade “Resgatando os clássicos”, no Espaço Plínio (Rua Joaquim Silva, 130, Lapa). Nesta dia, Geo Britto vai abordar o tema “Teatro do Oprimido, uma construção periférica-épica”. Confirme presença no facebook.

O texto base da atividade será “Augusto Boal: atos de um percurso“.

Em junho, o “Resgatando os Clássicos” recebeu a professora Virgínia Fontes, que ministrou o curso “Imperialismo, subimperialismo e capital-imperialismo: a inserção do Brasil no capitalismo global”. Confira a íntegra da atividade no nosso canal no Youtube:

 

Em julho, o professor Marcelo Badaró (UFF) ministrou o curso “Classes sociais e luta de classes”. Confira a íntegra da atividade no nosso canal no Youtube:

Em agosto, o professor Mauro Iasi ministrou o curso “O processo de consciência”. Confira a íntegra da atividade no nosso canal no Youtube:

Em setembro, o geógrafo e professor Alcebíades Teixeira (Bid) debateu o tema “Trotsky, marxista herético”. Confira a íntegra da atividade no nosso canal no Youtube:

Em outubro, o convidado foi o Roberto Leher, professor e reitor da UFRJ, que escolheu o sociólogo Florestan Fernandes como tema. Confira a íntegra da atividade no nosso canal no Youtube:

Compartilhar:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *