E se a cidade fosse nossa?

Compartilhar:

8Quais são os seus sonhos para a cidade do Rio? Se você já se fez essa mesma pergunta alguma vez e nunca soube bem o que fazer com as respostas, conhecer e participar do movimento “Se a cidade fosse nossa” pode ser um primeiro passo.

Para facilitar a troca de ideias, foi lançada essa semana uma plataforma colaborativa on line. Nela, há uma breve explicação sobre como funciona o movimento: encontro presencial que debate um tema a ser escolhido pelo grupo; abertura de ciclo de discussão na plataforma, com o que já foi debatido e com espaços para mais propostas; sistematização dessas propostas; e, por fim, divulgação de tudo o que foi pensando e proposto.

Os encontros que já aconteceram, os de território e os temáticos, estão disponíveis lá para quem quiser contribuir. Além disso, na plataforma também é possível saber das atividades que ainda irão acontecer.

Para marcar o lançamento da plataforma foi feita, na segunda-feira (19), uma roda de conversa sobre “Democracia e cidades” com Marcelo Freixo e Vladimir Safatle. Confira aqui: http://seacidadefossenossa.com.br/2015/10/roda-de-conversa-sobre-democracia-em-cidades-com-freixo-e-safatle/

Quer entender melhor? Acesse: www.seacidadefossenossa.com.br

Compartilhar:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *