Comissão de Direitos Humanos encaminha denúncia ao MP contra a Guarda Municipal

Compartilhar:

No dia 20 de setembro, sexta-feira, a professora da Rede Municipal Anna Paula de Azevedo foi barrada por Guardas Municipais ao tentar buscar o filho de 5 anos numa creche da prefeitura, na Cidade Nova. O menino precisou aguardar por duas horas dentro da creche, até que a mãe fosse liberada para pegá-lo, às 20h. O motivo alegado pelos agentes foi o de que ela não poderia ir ao local onde as crianças são entregues aos pais por estar usando uma camiseta de apoio à greve dos profissionais da educação. O mesmo ocorreu na terça seguinte, 24 de setembro, dessa vez registrado pelo EXTRA e amplamente divulgado na imprensa.

A denúncia foi registrada na 6ª Delegacia de Polícia. O menino é aluno da Creche Institucional Dr. Paulo Niemeyer, voltada para filhos de servidores e que funciona numa das saídas laterais da Prefeitura do Rio. Segundo a professora, o mesmo ocorreu com outras pessoas, impedidas de buscar seus filhos por estarem vestindo a camisa de apoio à greve.

A Comissão de Defesa de Direitos Humanos da Câmara de Vereadores, da qual nosso mandato faz parte, encaminhou a denúncia ao Ministério Público. Iremos acompanhar o desdobramento do caso, pressionando todas as esferas do Estado para que investiguem e tomem as devidas providências. Mais do que reparar o dano causado à professora e seu filho, precisamos dar visibilidade e condenação pública à postura da Guarda Municipal, para que mais casos assim não voltem a acontecer. O que vemos é que a Prefeitura tenta causar um clima de terror e medo na cidade para desmobilizar a greve da educação. Não vamos nos calar diante de tamanhas arbitrariedades. Nosso mandato trabalhará para que os profissionais da educação tenham seus direitos respeitados. A violência de Estado não pode ser a forma de diálogo da prefeitura com a população! Toda nossa solidariedade à greve da educação!

Compartilhar:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *