Governo quer privatizar o uso da água

Compartilhar:

No final do ano passado, durante o “Seminário Internacional da Comissão Especial sobre o Colapso Hídrico”, o vereador Renato Cinco (PSOL) denunciou a intenção do governo estadual de privatizar o uso da água. Na ocasião, palestrantes do mundo inteiro alertaram para os problemas da privatização dos recursos hídricos.

No evento, o pesquisador da “Corporate Europe Observatory”, Martin Pigeon, além de palestrar sobre a importância da “remunicipalização” da água, entrevistou Renato Cinco.

Continuar lendo Governo quer privatizar o uso da água

Compartilhar:

Baía de Guanabara, descaso e resistência

Compartilhar:

A palavra “Guanabara” vem do Tupi e significa “mar do seio”. Foi o nome dado pelos índios à bela baía que banha o Rio e outras cidades fluminenses, em referência ao seu formato arredondado e à fartura de peixes da área.

Cartão postal do Rio de Janeiro e palco de todas as regatas dos Jogos Olímpicos de 2016, a Baía de Guanabara sofre com o descaso das autoridades e a degradação ambiental. Das 8,5 milhões de pessoas que moram em suas margens, 1,6 milhões não possuem rede de esgoto formal e acabam poluindo a região. Para piorar, 14 mil indústrias despejam diretamente seus efluentes nos rios e canais que desembocam na baía.

Continuar lendo Baía de Guanabara, descaso e resistência

Compartilhar:

Ecossocialismo no Espaço Plínio

Compartilhar:

O mandato do vereador Renato Cinco vai promover um “Curso Básico de Ecossocialismo”, com objetivo de aprofundar a discussão sobre o movimento ambiental e a luta pela justiça socioambiental .

A atividade vai ocorrer durante o mês de julho, com início sempre às 18h30, no Espaço Plínio (Rua Joaquim Silva, 130, Lapa). Não é necessário fazer inscrição prévia. Confira abaixo a programação da atividade:  Continuar lendo Ecossocialismo no Espaço Plínio

Compartilhar:

Brasil é o país com o maior número de ambientalistas assassinados

Compartilhar:

Relatório divulgado pela Organização Não Governamental (ONG) Global Witness, na última segunda-feira (20), expõe números preocupantes.  O levantamento demonstra que o Brasil é o país mais perigoso para os que lutam em defesa do meio ambiente e de seus territórios: dos 185 assassinatos registrados em todo o mundo durante o ano passado, 50 ocorreram em terras brasileiras.

O caso de Raimundo Santos Rodrigues, de 57 anos, foi um dos que teve grande repercussão. Ele integrava o grupo de proteção da Reserva Biológica do Gurupi, no Maranhão, e foi assassinado em agosto de 2015, em uma emboscada.  Continuar lendo Brasil é o país com o maior número de ambientalistas assassinados

Compartilhar:

Danos ambientais e mudanças climáticas na cidade olímpica

Compartilhar:

Depois de alguns anos de espera e muita publicidade, os Jogos Olímpicos estão chegando. Durante a formulação dos projetos de reorganização da cidade e dos equipamentos esportivos, muito foi prometido à população carioca. Um dos legados seria uma melhoria nos aspectos ambientais: reestruturação do sistema de transportes, que poderia contribuir com a redução da poluição, e despoluição da Baía de Guanabara e da Lagoa Rodrigo de Freitas são alguns dos exemplos mais propagandeados. Continuar lendo Danos ambientais e mudanças climáticas na cidade olímpica

Compartilhar:

PEU das Vargens pode incentivar a especulação imobiliária

Compartilhar:

33Na última terça-feira (31), a Câmara Municipal realizou uma audiência pública para debater o PEU das Vargens. O projeto propõe alterações nas regras de desenvolvimento urbano e preservação natural nos bairros Vargem Grande, Vargem Pequena, Camorim, parte do Recreio, além de um pequeno trecho da Barra e de Jacarepaguá. Esta região representa 23,99% do território do município.

O PEU das Vargens repete o modelo adotado na região portuária – com o projeto Porto Maravilha – através da chamada “Operação Urbana Consorciada”, que transfere para a iniciativa privada a administração do território da cidade.

Continuar lendo PEU das Vargens pode incentivar a especulação imobiliária

Compartilhar:

SOS Mata Belisário

Compartilhar:

A 3ª Promotoria de Meio Ambiente, do Ministério Público do Rio de Janeiro, instaurou inquérito civil para investigar os danos ambientais e os riscos decorrentes do desmatamento realizado na Rua Belisário Távora, em Laranjeiras. O local em questão está situado em uma encosta com declive acentuado, em área de proteção ambiental.

Continuar lendo SOS Mata Belisário

Compartilhar:

Senado brasileiro quer acelerar a destruição do meio ambiente

Compartilhar:

77A Comissão de Constituição e Justiça do Senado aprovou uma grave ameaça à preservação do meio ambiente brasileiro. A PEC 65/2012, de autoria do senador Acir Gurgacz (PDT-RO) e relatada pelo senador Blairo Maggi (PR-MT), estabelece que, a partir da simples apresentação de um Estudo de Impacto Ambiental (EIA) pelo empreendedor, nenhuma obra poderá mais ser suspensa ou cancelada.

Se for aprovada, a PEC elimina a necessidade de um licenciamento ambiental para analisar os impactos que um empreendimento pode gerar. O argumento dos parlamentares é de “garantir a celeridade e a economia de recursos em obras públicas sujeitas ao licenciamento ambiental, ao impossibilitar a suspensão ou cancelamento de sua execução após a concessão da licença”.

Continuar lendo Senado brasileiro quer acelerar a destruição do meio ambiente

Compartilhar:

E o zoológico do Rio?

Compartilhar:

55O Jardim Zoológico do Rio de Janeiro atravessa uma grave crise. Chegou, inclusive, a ficar fechado ao público durante um período, por ordem do Ibama, devido a más condições de condições de funcionamento.

Diante desse cenário, nosso mandato protocolou, no dia 29 de março, um Requerimento de Informações direcionado à Secretaria de Meio Ambiente e à Fundação RioZoo, que administra o local, sobre a situação do zoológico. As perguntas foram as seguintes:

Continuar lendo E o zoológico do Rio?

Compartilhar:

Cineclube debate poluição industrial em Santa Cruz

Compartilhar:

12963764_1008770332536036_7222176195073686899_n

O impacto da atividade industrial na vida dos moradores da região de Santa Cruz é o tema do próximo Cineclube do Espaço Plínio (Rua Joaquim Silva, 130, Lapa). Na quarta-feira (13), às 18h30, será exibido o documentário “Treliça”, do diretor Neto Oliveira.

Continuar lendo Cineclube debate poluição industrial em Santa Cruz

Compartilhar: