Por uma outra política de drogas

Compartilhar:

Basta de guerra aos pobres! Por outra política de drogas na cidade do Rio

 

Renato Cinco é reconhecido por sua luta contra a “guerra às drogas”, que produz o genocídio da juventude negra e pobre. Por isso, participa da organização da Marcha da Maconha e do Movimento pela Legalização da Maconha.

Como vereador, seu primeiro ato foi apresentar o requerimento da CPI das Internações Compulsórias. A CPI não foi instalada por pressão contrária do prefeito e de sua base. Um ano e meio depois, ficou claro que essa CPI investigaria os contratos, suspeitos de fraudes, do Executivo Municipal com as Comunidades Terapêuticas.

A trajetória de Cinco no parlamento foi orientada pela certeza de que a política municipal que deve ser adotada para o usuário de drogas é o cuidado. Nesse sentido, defende ações de Redução de Danos e mais investimentos na Rede de Atenção Psicossocial e nos serviços públicos garantidores de direitos humanos. São necessários 32 CAPS AD e existem apenas 8.

Com a Copa e as Olimpíadas, a cidade viveu uma verdadeira limpeza urbana. Os mais pobres foram empurrados para áreas distantes da região turística. O recolhimento compulsório continua sendo utilizado em favor dessa lógica. Isso não pode continuar!

Pelo socialismo e pela liberdade, vote 50.555!

Assista aos vídeos abaixo:

 

Compartilhar:

Outra cidade é possível

Compartilhar:

O Rio é mundialmente conhecido como a “cidade maravilhosa”. Infelizmente, não tem sido assim para a maioria das pessoas que vive, mora e trabalha aqui. A atual gestão transformou a cidade em um balcão de negócios.

Os bens e serviços se concentram, cada vez mais, no centro e nas áreas nobres, tornando a cidade extremamente desigual. Em nome da Copa e das Olimpíadas, leis foram desrespeitadas, milhões gastos em obras duvidosas e comunidades removidas violentamente.

Os legados prometidos não foram cumpridos. A cidade foi transformada num caos, com impactos ambientais e sociais. Para mudar esta realidade, o município deve investir em moradia popular nas regiões centrais e em transporte de massa de qualidade, com passe livre para todos.

Os direitos da população não podem ficar reféns da ganância de poucos. Por isso, somos contra a privatização do espaço e dos serviços públicos. Os recursos municipais devem servir para melhorar a vida da população, com educação e saúde de qualidade, verdadeiramente públicas, sem a farsa das Organizações Sociais.

As decisões devem passar por mecanismos de transparência e participação popular, com o direito de manifestação efetivamente respeitado. Eleger MARCELO FREIXO prefeito e reeleger RENATO CINCO vereador é essencial para construirmos a cidade que queremos.

 

Pelo socialismo e pela liberdade, vote 50.555!

Compartilhar:

Basta de guerra aos pobres

Compartilhar:

Por que gritamos “Basta de guerra aos pobres”?

Estamos em lutas diárias porque acreditamos que o lucro não pode ser maior do que a vida das pessoas. Acreditamos que é possível construir uma sociedade socialmente justa, que respeite a natureza e que reivindique a solidariedade. Hoje, vivemos na contramão desses anseios coletivos, o que fez brotar nas ruas sentimentos de indignação diante da barbárie. Por isso, a juventude ocupou as cidades em Junho de 2013 e as mulheres fizeram florescer uma Primavera Feminista em 2015 e 2016.


É o mesmo sentimento de indignação promovido pelas desigualdades do capitalismo que nos faz gritar: basta! Dizemos não aos violentos números que retratam a realidade de nosso país: o Brasil mata a cada dia 82 jovens e 15 mulheres. 318 LGBT’s foram mortos em 2015. Também sabemos quem sofre ainda mais essa violência dentre os grupos oprimidos, é a população pobre que pena, que trabalha para viver e vive para trabalhar, passando horas em trens e ônibus lotados, e tem, aos poucos ou subitamente, suas vidas arrancadas pelo sistema.


A violência também tem cor. A “guerra às drogas” tem servido de pretexto para criminalizar a pobreza e militarizar a vida, especialmente nas periferias e favelas, proporcionando lucros astronômicos para o mercado financeiro (que “lava” o dinheiro do tráfico) e para a indústria de armas. Hoje, existem mais de 140 mil presos por tráfico nas cadeias brasileiras. A maioria jovens, negros e pobres, réus primários presos com pequenas quantidades de maconha. A “guerra às drogas” é, na verdade, uma guerra aos pobres!

 

Renato Cinco é reconhecido por sua luta contra a “guerra às drogas”, que produz o genocídio da juventude negra e pobre. Por isso, participa da organização da Marcha da Maconha e do Movimento pela Legalização da Maconha.


Algumas Ações

Nos últimos anos, o mandato de Renato Cinco esteve ao lado de quem luta contras as opressões e a exploração. A nossa atuação na Câmara buscou ser caixa de ressonância dos movimentos sociais combativos do Rio.


Por reconhecer a luta do povo negro e o racismo que teima em existir em nossa cultura, uma das primeiras ações do mandato foi entregar a medalha Pedro Ernesto post-mortem aos escravizados que reflorestaram a Floresta da Tijuca.


O mandato também esteve ao lado de lutadoras e lutadores da educação nas greves de profissionais da educação e, neste ano, nas ocupações estudantis das escolas públicas. Em apoio à luta por melhores condições de trabalho na educação municipal, propusemos a CPI do FUNDEB. É de autoria do mandato do vereador Renato Cinco, composto por militantes feministas, o projeto que “Institui a Campanha Permanente de Combate ao Machismo e Valorização das Mulheres nas escolas públicas do município do Rio de Janeiro”. O projeto foi aprovado ano passado, agora a luta é para que se cumpra a lei!


Entendendo que transporte público de qualidade e acessível é fundamental para o direito à cidade, apresentamos o Projeto de Lei que institui a Tarifa Zero e acaba com as concessões do serviço de ônibus para o setor privado no município do Rio de Janeiro. O PL regula o sistema municipal de transportes rodoviários e cria a Empresa Pública de Ônibus e o Fundo Municipal de Transporte. Ao contrário do que é divulgado pelos governos, a tarifa zero fomenta e fortalece a economia das cidades. Livre do preço das passagens, os cidadãos terão mais dinheiro para gastar no comércio e em atividades culturais. Além disso, desestimula o uso de carros, o que diminui os engarrafamentos e melhora a qualidade do ar. Um ambiente mais puro reduz os problemas respiratórios e, consequentemente, os gastos públicos na área de saúde.


Em contraposição aos ataques sistemáticos da Prefeitura ao direito à moradia, o mandato do vereador Renato Cinco elaborou uma proposta de moradia popular na zona portuária do Rio de Janeiro. O Projeto de Lei n° 654/2013 também prevê a legalização da posse de imóveis ocupados irregularmente por famílias com renda mensal de até cinco salários mínimos.


Também estivemos nas batalhas com o Comitê Popular Rio da Copa e Olimpíadas contra as remoções de milhares de famílias de suas moradias em função da preparação para os megaeventos na cidade. Um dos importantes símbolos dessa mobilização é a resistência da comunidade da Vila Autódromo.


Audiências

O Rio de Janeiro experimenta o maior projeto de privatização do saneamento básico do Brasil na região da AP-5, parte da Zona Oeste do município. Ao longo de 30 anos, a concessionária vai receber R$ 2,6 bilhões em financiamento público. O edital de concessão, no entanto, excluiu da necessidade de atendimento às populações residentes em áreas de proteção ambiental, loteamentos irregulares e favelas, em grave violação de direitos básicos. A audiência pública “A crise hídrica no Rio de Janeiro”, organizada pela Comissão Especial do Colapso Hídrico, presidida pelo vereador Renato Cinco, denunciou o colapso da gestão das empresas responsáveis pelo fornecimento deste bem de primeira necessidade para a vida humana.


Desde seu início, o mandato de Renato Cinco vem lutando contra a política de higienização social orquestrada pela Prefeitura do Rio. Um dos exemplos desse atentado aos direitos humanos é a internação compulsória de usuários de crack em situação de rua. Contra os retrocessos na garantia de direitos da população e imposição de interesses de setores religiosos nas políticas públicas de saúde, o vereador apresentou requerimento de CPI da Internação Compulsória. Além disso, também realizamos, através da Comissão de Defesa dos Direitos Humanos da Câmara do Rio, a Audiência Pública “Recolhimentos e Internações Forçadas no Município do Rio de Janeiro”.


Por esses e outros motivos é que precisamos de você em todas essas lutas, contra a violência que o sistema nos impõe, contra tudo que nos desumaniza e quer nos fazer crer que a barbárie é natural ou impossível de mudar. Por tudo isso, é fundamental manter um mandato coletivo, que seja mais do que apenas um vereador, que seja (como vem sendo) um instrumento a serviço de todas as lutas pela dignidade humana!


Por isso, gritamos (e cantamos, pois o grito só não basta):

Nada deve parecer natural! Nada deve parecer impossível de mudar!

#BastadeGuerraAosPobres!

#OutraCidadeÉPossível!

Com Marcelo Freixo prefeito e Luciana Boiteux vice 50  e
#RenatoCinco50555  vereador – PSOL

Compartilhar:

exemplo de apoio

Compartilhar:

Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipiscing elit. Donec facilisis odio at ante iaculis, vel molestie lectus vulputate. Etiam lobortis ac velit et malesuada. Integer scelerisque lorem at pretium cursus. Cum sociis natoque penatibus et magnis dis parturient montes, nascetur ridiculus mus. Donec mauris nisl, faucibus volutpat arcu eu, posuere molestie lectus. Vestibulum bibendum dapibus rutrum. Etiam interdum leo sit amet fermentum euismod. Quisque at nisi a nulla consequat sollicitudin eget ut dolor. Cras lobortis vel massa vel maximus.

Compartilhar:

teste 2

Compartilhar:

Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipiscing elit. Donec facilisis odio at ante iaculis, vel molestie lectus vulputate. Etiam lobortis ac velit et malesuada. Integer scelerisque lorem at pretium cursus. Cum sociis natoque penatibus et magnis dis parturient montes, nascetur ridiculus mus. Donec mauris nisl, faucibus volutpat arcu eu, posuere molestie lectus. Vestibulum bibendum dapibus rutrum. Etiam interdum leo sit amet fermentum euismod. Quisque at nisi a nulla consequat sollicitudin eget ut dolor. Cras lobortis vel massa vel maximus.

Curabitur ornare metus vitae dui dapibus, nec sodales sem commodo. Nunc vestibulum lorem vitae laoreet mattis. Sed sit amet mi et odio egestas hendrerit laoreet quis tortor. Nullam vestibulum sit amet diam quis ornare. Mauris non tempor purus, ut suscipit enim. Vestibulum eget nisl non est dignissim facilisis. Integer malesuada a metus non cursus. Vivamus placerat malesuada est convallis ullamcorper. Maecenas ac enim sed tellus venenatis facilisis. Proin mi risus, blandit id tincidunt a, pellentesque in ante. Suspendisse et lectus tincidunt, suscipit sem in, aliquet sem. Morbi volutpat, velit non malesuada mattis, nunc tortor condimentum metus, in cursus felis ante id velit.

Phasellus tempus sapien id nisi efficitur, sit amet ornare risus aliquam. In ipsum nunc, pulvinar vel sem nec, porttitor tincidunt ante. Aliquam viverra dolor eget elementum consequat. Pellentesque habitant morbi tristique senectus et netus et malesuada fames ac turpis egestas. Suspendisse tellus nibh, sagittis nec dignissim id, hendrerit in ligula. Donec eu nunc id mauris tincidunt suscipit laoreet eu lacus. Vestibulum mattis nulla et tortor sagittis maximus. Nullam sollicitudin velit ac urna hendrerit semper. Aenean dapibus placerat quam, nec semper velit iaculis eget. Etiam nec velit et nulla dapibus pellentesque in posuere felis. Cras eleifend vestibulum tortor, a euismod ante congue at. Vestibulum sagittis neque a neque varius suscipit. Proin gravida, purus vel hendrerit lobortis, felis ex dictum diam, quis gravida libero nulla sit amet nulla. Pellentesque lorem justo, fringilla ac ipsum at, elementum semper nunc. Nullam ac odio lorem.

Pellentesque faucibus justo non fermentum laoreet. Vivamus a felis massa. Nullam tincidunt orci sit amet libero porta, eu auctor enim ultricies. Aenean nibh enim, porta non mollis at, pulvinar eget risus. Praesent vel lacinia metus, vitae feugiat ante. Maecenas et eleifend ante. Mauris vestibulum tempus ultricies. Donec consequat et nisl efficitur ullamcorper. Cras et rutrum libero, non pretium magna. Donec eget elementum felis. Morbi elementum ligula nulla, quis ornare nibh sagittis at. Aliquam et sapien id turpis consequat dapibus. Curabitur eget mi luctus sem lobortis efficitur quis semper eros. Aenean faucibus volutpat cursus.

Nullam dictum ante purus, ut luctus felis fringilla vel. Quisque sollicitudin, nisi quis pharetra volutpat, quam nunc maximus massa, in pretium velit ipsum et arcu. Sed efficitur ex eget arcu eleifend lobortis ut nec nunc. Donec pellentesque, leo non vehicula laoreet, neque mi pretium tortor, eget ullamcorper metus ipsum sed eros. Aenean viverra velit ex. Maecenas iaculis risus nunc, a lobortis justo rhoncus cursus. Sed blandit porta ultricies. Morbi feugiat lacus ex, et venenatis lacus facilisis id. Nunc venenatis tortor et felis eleifend, in fringilla tortor maximus. Integer pharetra fermentum scelerisque. Proin laoreet, quam et varius vulputate, sem dui fermentum dui, vitae fermentum erat libero non elit. Cras a massa ante. Morbi ac risus a mi consectetur placerat. Curabitur posuere sapien in diam malesuada, et vestibulum ex lobortis.

Compartilhar:

Teste

Compartilhar:

Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipiscing elit. Donec facilisis odio at ante iaculis, vel molestie lectus vulputate. Etiam lobortis ac velit et malesuada. Integer scelerisque lorem at pretium cursus. Cum sociis natoque penatibus et magnis dis parturient montes, nascetur ridiculus mus. Donec mauris nisl, faucibus volutpat arcu eu, posuere molestie lectus. Vestibulum bibendum dapibus rutrum. Etiam interdum leo sit amet fermentum euismod. Quisque at nisi a nulla consequat sollicitudin eget ut dolor. Cras lobortis vel massa vel maximus.

Curabitur ornare metus vitae dui dapibus, nec sodales sem commodo. Nunc vestibulum lorem vitae laoreet mattis. Sed sit amet mi et odio egestas hendrerit laoreet quis tortor. Nullam vestibulum sit amet diam quis ornare. Mauris non tempor purus, ut suscipit enim. Vestibulum eget nisl non est dignissim facilisis. Integer malesuada a metus non cursus. Vivamus placerat malesuada est convallis ullamcorper. Maecenas ac enim sed tellus venenatis facilisis. Proin mi risus, blandit id tincidunt a, pellentesque in ante. Suspendisse et lectus tincidunt, suscipit sem in, aliquet sem. Morbi volutpat, velit non malesuada mattis, nunc tortor condimentum metus, in cursus felis ante id velit.

Phasellus tempus sapien id nisi efficitur, sit amet ornare risus aliquam. In ipsum nunc, pulvinar vel sem nec, porttitor tincidunt ante. Aliquam viverra dolor eget elementum consequat. Pellentesque habitant morbi tristique senectus et netus et malesuada fames ac turpis egestas. Suspendisse tellus nibh, sagittis nec dignissim id, hendrerit in ligula. Donec eu nunc id mauris tincidunt suscipit laoreet eu lacus. Vestibulum mattis nulla et tortor sagittis maximus. Nullam sollicitudin velit ac urna hendrerit semper. Aenean dapibus placerat quam, nec semper velit iaculis eget. Etiam nec velit et nulla dapibus pellentesque in posuere felis. Cras eleifend vestibulum tortor, a euismod ante congue at. Vestibulum sagittis neque a neque varius suscipit. Proin gravida, purus vel hendrerit lobortis, felis ex dictum diam, quis gravida libero nulla sit amet nulla. Pellentesque lorem justo, fringilla ac ipsum at, elementum semper nunc. Nullam ac odio lorem.

Pellentesque faucibus justo non fermentum laoreet. Vivamus a felis massa. Nullam tincidunt orci sit amet libero porta, eu auctor enim ultricies. Aenean nibh enim, porta non mollis at, pulvinar eget risus. Praesent vel lacinia metus, vitae feugiat ante. Maecenas et eleifend ante. Mauris vestibulum tempus ultricies. Donec consequat et nisl efficitur ullamcorper. Cras et rutrum libero, non pretium magna. Donec eget elementum felis. Morbi elementum ligula nulla, quis ornare nibh sagittis at. Aliquam et sapien id turpis consequat dapibus. Curabitur eget mi luctus sem lobortis efficitur quis semper eros. Aenean faucibus volutpat cursus.

Nullam dictum ante purus, ut luctus felis fringilla vel. Quisque sollicitudin, nisi quis pharetra volutpat, quam nunc maximus massa, in pretium velit ipsum et arcu. Sed efficitur ex eget arcu eleifend lobortis ut nec nunc. Donec pellentesque, leo non vehicula laoreet, neque mi pretium tortor, eget ullamcorper metus ipsum sed eros. Aenean viverra velit ex. Maecenas iaculis risus nunc, a lobortis justo rhoncus cursus. Sed blandit porta ultricies. Morbi feugiat lacus ex, et venenatis lacus facilisis id. Nunc venenatis tortor et felis eleifend, in fringilla tortor maximus. Integer pharetra fermentum scelerisque. Proin laoreet, quam et varius vulputate, sem dui fermentum dui, vitae fermentum erat libero non elit. Cras a massa ante. Morbi ac risus a mi consectetur placerat. Curabitur posuere sapien in diam malesuada, et vestibulum ex lobortis.

Compartilhar: