Ciclo de CineDebates do PSOL Carioca

Compartilhar:

O PSOL Carioca vai promover nas próximas semanas de fevereiro e março um ciclo de CineDebates na nova sede do partido (Beco João Inácio, 12, Largo da Prainha). Todas as atividades começam às 18h30 e não será necessário realizar inscrição antecipada. Confira a programação abaixo.

A aula inaugural do curso será realizada no dia 22 de fevereiro, no IFCS, com o debate “Essa crise que não é nossa!”, com participação dos deputados federais Chico Alencar e Jean Willys e de Paulo Lindesay, da Auditoria Cidadã. Confirme presença no facebook.
Continuar lendo Ciclo de CineDebates do PSOL Carioca

Compartilhar:

Um homofóbico como secretário de direitos humanos?

Compartilhar:

A decisão do governador Pezão de nomear o pastor Ezequiel Teixeira para o cargo de Secretário Estadual de Assistência Social e Direitos Humanos foi um duro ataque aos direitos da população LGBT. Felizmente a pressão contra essa escolha foi forte e Ezequiel foi exonerado na noite da última quinta-feira (17). O novo secretário é o ex-deputado estadual Paulo Melo (PMDB).

Na curta gestão de Teixeira o programa “Rio Sem Homofobia”, que é vinculado a Secretaria de Assistência Social e Direitos Humanos, sofreu com com 78 demissões desde janeiro. Neste mesmo período, os quatro centros de cidadania LGBT do estado e o “Disque Cidadania LGBT” foram desativados por falta de recursos. Em entrevista para o jornal “O Globo”, o então secretário afirmou acreditar na “cura gay” e ser contra a união homoafetiva.
Continuar lendo Um homofóbico como secretário de direitos humanos?

Compartilhar:

Escolas Municipais definham na Cidade Olímpica

Compartilhar:

Enquanto a prefeitura inaugura o “Museu do Amanhã” e dobra a verba destinada às escolas de samba, muitas escolas municipais iniciam o ano letivo em condições precárias de funcionamento. As denúncias são muitas e têm diferentes origens: de mães até profissionais de educação, de variadas regiões da cidade.

A climatização, por exemplo, foi uma das reivindicações negociadas durante a greve de 2013 e, mesmo após três anos, cerca de 50% das escolas da rede seguem sem ar condicionado. E, dentre as unidades que já receberam o equipamento, há relatos de problemas relativos à manutenção. O calor desproporcional, somado ao número excessivo de alunos por turmas (variando de 40 a 56), dificulta o processo de aprendizagem.
Continuar lendo Escolas Municipais definham na Cidade Olímpica

Compartilhar:

Marcha da Maconha e o Facebook n’O Dia

Compartilhar:

O jornal “O Dia” também publicou em seu sítio uma matéria sobre negativa da rede social em permitir que Renato Cinco patrocinasse a página da Marcha da Maconha. No texto, chamaram atenção para a possibilidade de que uma ação judicial seja movida contra a empresa por conta da proibição. Afinal, as manifestações pró legalização da maconha são autorizadas pelo STF desde 2011. Leia o texto:

http://odia.ig.com.br/rio-de-janeiro/2016-02-16/marcha-da-maconha-e-proibida-no-facebook.html

Compartilhar:

Marcha da Maconha e o Facebook n’O Globo

Compartilhar:

O colunista d’O Globo Ancelmo Gois, em nota publicada no último domingo (14), deu destaque à negativa da rede social em permitir que Renato Cinco patrocinasse a página da Marcha da Maconha. Segundo o Facebook, “o anúncio não foi aprovado por ter o texto muito chamativo”. Leia a nota:

http://www.clipnaweb.com.br/camara/Imagens/2016%5C02%5C14%5C0000160356.pdf

Compartilhar:

PSOL apresenta projeto que cancela aumento da tarifa de ônibus

Compartilhar:

Na última quinta-feira (18), a bancada de vereadores do PSOL apresentou um Projeto de Decreto Legislativo que pede o cancelamento do aumento das passagens de ônibus no Rio de Janeiro. No início do ano, a tarifa básica de transporte rodoviário foi reajustada de R$ 3,40 para R$ 3,80. O aumento tarifário dos últimos seis anos representou um acréscimo de 60% no custo da passagem, quando a inflação do mesmo período não ultrapassou os 50%.
Continuar lendo PSOL apresenta projeto que cancela aumento da tarifa de ônibus

Compartilhar:

Crise hídrica

Compartilhar:

Em matéria da Agência Brasil sobre o lançamento da campanha “Rio Maravilha Sem Água”, impulsionada pelo Greenpeace e pelo Meu Rio, Renato Cinco opina sobre a questão da água e fala sobre o trabalho da Comissão Especial sobre o Colapso Hídrico. Leio o texto:

http://agenciabrasil.ebc.com.br/geral/noticia/2016-01/ongs-lancam-campanha-sobre-crise-hidrica-no-estado-do-rio-de-janeiro

Compartilhar: