Manifesto de lançamento da pré-candidatura de Tarcísio Motta ao governo do Rio pelo PSOL-RJ

Compartilhar:

O Rio de Janeiro é modelo e laboratório nacional de políticas públicas voltadas aos interesses dos grandes negócios. Em resposta a isso, vivemos em 2013 as maiores mobilizações do país, que tiveram início com importantes lutas desde o início do ano, como a resistência à privatização do Maracanã e na luta da Aldeia Maracanã/Escola Frienderich/Celio de Barros/Julio Delamare, passando pelos protestos contra a Copa e grandes mobilizações em defesa da Comissão de Direitos Humanos e Minorias da Câmara dos Deputados contra os fundamentalistas, que a tomaram graças a um acordo com o governo Dilma. Chegamos assim às jornadas de Junho e à histórica greve dos profissionais da educação. Fruto da mobilização de amplos setores sociais, vivemos um ano repleto de acontecimentos que modificaram substancialmente a conjuntura política e agora exige de nós a capacidade de ousar e aprofundar a experiência rebelde de 2013. Sem dúvida, muito desta rebeldia germinou a partir da vitoriosa campanha da Primavera Carioca e precisamos seguir neste caminho que faz da luta eleitoral uma possibilidade para fortalecer as mobilizações e o avanço das consciências.

Continuar lendo Manifesto de lançamento da pré-candidatura de Tarcísio Motta ao governo do Rio pelo PSOL-RJ

Compartilhar:

Aldeia Maracanã resiste!

Compartilhar:

Na última segunda-feira (16), a Aldeia Maracanã foi mais uma vez violentamente desocupada pelo Batalhão de Choque. Sem que houvesse qualquer ordem judicial, policias militares levaram presos, para a 18ª Delegacia de Policia (DP), diversos indígenas e ativistas que estavam no local. A maioria foi liberada após prestar depoimento, enquanto um manifestante saiu sob fiança.

O indígena José Guajajara permaneceu no terreno da Aldeia, resistindo no alto de uma árvore por mais de 26 horas após a desocupação. Manifestantes e apoiadores que permaneceram próximos ao local tentavam lhe entregar água e comida, mas eram impedidos pela Policia Militar (PM), que se negava a negociar. Na manhã de terça-feira (18), Guajajara foi retirado da árvore, com a ajuda do Corpo de Bombeiros. José passou rapidamente pelo Hospital Souza Aguiar e foi encaminhado para a 18ª DP.

O governo do estado afirmou que se baseou numa decisão judicial de março deste ano para a desocupação do local. Entretanto, a Justiça Federal informou que o processo relativo à Aldeia Maracanã esta suspenso desde agosto e que não houve novo mandado para a desocupação.

Compartilhar:

É tempo de rebeldia!

Compartilhar:

Centenas de jovens de 18 estados do Brasil se preparam para participar, em janeiro, do Acampamento Anticapitalista das Juventudes. O espaço auto-organizado é uma iniciativa nascida do encontro, a partir das mobilizações de junho, de diversos movimentos sociais que atuam na luta antiproibicionista, estudantil, por cultura popular, feminista, anti-homofóbica e agroecológica.

O Acampamento será realizado no Campus Gragoatá da Universidade Federal Fluminense (UFF), entre os dias 20 e 24 de janeiro. Seu objetivo é ser um espaço livre de opressões, em que a nova geração política brasileira consiga elaborar novas formas de ação, luta e organização, a partir do chamado dos coletivos nacionais de movimento estudantil “Levante!” e “Rompendo Amarras” e de diversos coletivos regionais.

Mais informações no Facebook.

Compartilhar:

Não será por 20 centavos em 2014!

Compartilhar:

O prefeito Eduardo Paes (PMDB) anunciou que o preço das passagens de ônibus no Rio de Janeiro vai aumentar em janeiro do ano que vem. O valor ainda não foi definido, mas especula-se que fique em torno de R$3,00.

O aumento no transporte público normalmente ocorre no começo do ano. Entretanto, no ano passado o ministro da fazenda, Guido Mantega, pediu que os prefeitos das capitais segurassem o aumento para ajudar a conter a alta da inflação.

O pedido foi atendido e o reajuste ocorreu em maio de 2013, num período em que o calendário escolar está a todo vapor e muitos trabalhadores estão na ativa.

Os 20 centavos trouxeram a tona todas as insatisfações da população, seja em relação ao transporte, à saúde, ou à educação. Ficaram claras as prioridades dos governos: havia verba pública para os megaeventos, mas não para os direitos sociais. Conclusão: o aumento levou uma multidão às ruas. Após os protestos, o preço foi reduzido para o valor antigo, de R$ 2,75.

Compartilhar:

I Encontro Estadual Antiproibicionista será realizado em janeiro de 2014

Compartilhar:

O ano de 2014 vai começar cedo para a luta antiproibicionista do Rio de Janeiro. A militância do estado tem um compromisso entre os dias 16 e 19 de janeiro, no I Encontro Estadual Antiproibicionista, que será realizado no campus da UFRJ na Praia Vermelha.

O objetivo do encontro é: fortalecer o debate, a formação e o acumulo político dos militantes; avançar na organicidade do movimento; consolidar coletivos municipais que já existem e estimular a criação de novas frentes de organização e Marchas da Maconha no estado do Rio de Janeiro.

O encontro vai contar com a presença de personalidades do meio acadêmico, político e de atores do movimento antiproibicionista de todo Brasil. A programação será divulgada nas próximas semanas.  Os espaços de palestras, rodas de debates, grupos de discussão, oficinas e noites culturais darão mais acúmulo e entrosamento para os militantes, ajudando na integração dos que ainda querem conhecer melhor a luta pela legalização da maconha e outras drogas.

Os interessados em participar devem se inscrever pelo formulário online. Participe! Convide os amigos e ajude fortalecer a militância pela legalização!

Compartilhar:

Cursos de formação política no PSOL Rio

Compartilhar:

O PSOL Rio abrirá suas portas para a militância usar a estrutura do partido com projetos de formação política. Os interessados em apresentar cursos de formação deverão enviar uma ementa com a programação, os horários e o calendário da atividade proposta para o e-mail psolformacao@gmail.com. Os cursos terão um mínimo de 10 e máximo de 30 participantes. A partir de 15 de fevereiro, será divulgado o primeiro bloco de cursos. As inscrições serão encerradas quando o número máximo for atingido. Para ter início, é necessária a inscrição de, pelo menos, 10 pessoas. Os cursos serão abertos a todos. Não será necessário ser filiado ao PSOL.

Saiba mais na página do partido no Facebook

Compartilhar:

Entrevista com Rafael Braga Vieira, condenado por participar de manifestação em junho

Compartilhar:

O morador de rua Rafael Braga Vieira, 25 anos, foi o primeiro condenado por participar das manifestações de junho de 2013. O mandato do deputado estadual Marcelo Freixo (PSOL) esteve na penitência Milton Dias Moreira, em Japeri, na última sexta-feira (13), e entrevistou Rafael, que pela primeira vez deu sua versão sobre os fatos. Ele foi condenado, em primeira instância, a cinco anos de prisão em regime fechado, sob a alegação de portar material explosivo e incendiário durante o protesto do dia 20 de junho.

Compartilhar:

Um ano de muitas lutas

Compartilhar:

Está chegando ao fim o primeiro ano de nosso mandato. Tivemos o privilégio de ocupar uma cadeira na Câmara de Vereadores justamente no ano em que milhares de pessoas tomaram as ruas do país exigindo mudanças. Esperamos que, em 2014, estourem novas ondas de protestos populares.

Tentamos, em meio ao turbilhão, seguir os compromissos assumidos durante a campanha. Não foi fácil. Entretanto, acreditamos que, mesmo com todas as limitações, contribuímos com as lutas por uma sociedade mais justa e igualitária. Agradecemos o apoio, as sugestões e as críticas de nossos parceiros.

Entraremos em recesso no dia 20 de dezembro. Reabriremos as portas do gabinete no dia 05 de janeiro. Nosso boletim também sairá de férias. Voltaremos a publicá-lo no dia 20 de fevereiro.

Continuar lendo Um ano de muitas lutas

Compartilhar:

Pela laicidade na Câmara de Vereadores – substituição da invocação a Deus

Compartilhar:

PROJETO DE RESOLUÇÃO Nº 33/2014

EMENTA:

ALTERA O PARÁGRAFO ÚNICO DO ART. 29 DO REGIMENTO INTERNO DA CÂMARA MUNICIPAL DO RIO DE JANEIRO.

Autor(es):  VEREADOR RENATO CINCO

Continuar lendo Pela laicidade na Câmara de Vereadores – substituição da invocação a Deus

Compartilhar:

Renato Cinco faz balanço de 2013

Compartilhar:

No encerramento das atividades do legislativo carioca em 2013, o vereador Renato Cinco fez uma análise das manifestações e destacou a necessidade de um maior envolvimento da população com as questões políticas.

Segundo o vereador, “nossa democracia ainda é um projeto em construção e sua consolidação depende muito da mobilização popular”.

 

Compartilhar: